slider

Recent

Pesquisar no blog

Arquivo do blog

Quem somos?

Bem vindos ao site 100% focado no futsal amador. Fique por dentro de tudo o que acontece no salonismo extra-oficial de São Paulo!

Seguidores

Zona Sul

Zona Sul
Independente/Percilglass fatura a Copa dos Campeões FutLiga

Zona Norte

Zona Norte
Arsenal de Taipas é campeão da Copa Andorinha Hiper Center

Zona Leste

Zona Leste
Independente e Montasa decidem a Copa Zona Livre neste domingo
Menu

Coyote Futsal é o grande campeão do Campeonato Municipal de Guarulhos

O Coyote Futsal é o grande campeão do Campeonato Municipal Diário de Guarulhos/ Uniex 2013. O título foi conquistado após um emocionante empate de 4 a 4 diante do Esquadrilha Futsal. O jogo foi disputado no domingo 11 de agosto, no ginásio Arnaldo José Celeste, na Ponte Grande.

Apesar de muitos apontarem o Esquadrilha como favorito por ter um elenco maior, o Coyote que praticamente entrou com uma mão na taça, já que com um empate ficava com o título por ter a melhor campanha durante a competição. 

Aos 6´10, Rafinha interceptou passe errado de Rafael, avançou e chutou forte sem chances para Dothi, 1 a 0 Coyote. 

Depois do gol, o Coyote ficou postado na defesa e o Esquadrilha foi pra cima em busca do empate. Mesmo criando boas chances, a equipe da Vila Barros pecava nas finalizações. 

Aos 13´30, Rafinha tentou jogada individual, Bob afastou e na sobra Simi acertou um belo chute de esquerda ampliando para o Coyote. 

Aos 15´01, Juninho 90 puxou contra-ataque e tentou um chute de longe, a bola bateu na defesa e sobrou para Rafael que com uma linda cavadinha marcou um golaço para o Esquadrilha, 2 a 1. 

O Esquadrilha quase conseguiu o empate na sequência com um belo chute de Jefferson que bateu na trave e saiu. Aos 17'30, o Esquadrilha desperdiçou mais uma grande chance de empatar, dessa vez em cobrança de tiro-livre de Rafael, para a defesa de Luis Carlos. 

Aos 18´15, começou uma discussão entre jogadores e técnicos de ambas equipes, após falta sofrida por Rafinha. No saldo da confusão, Rafinha foi expulso pelo lado do Coyote e o técnico Erik e o auxiliar Bob pelo Esquadrilha. 

Nos 1'45 restantes, o Esquadrilha jogou com um a mais em quadra, mas não conseguiu furar o bloqueio adversário, permanecendo o placar de 2 a 1 para o Coyote. 

Na etapa complementar, o Esquadrilha continuou na pressão e gol de empate não demorou a sair. Aos 3´30, Bob recebeu passe de Jefferson e acertou um belo chute do meio da quadra, praticamente indefensável para Luis Carlos, 2 a 2. 

Aos 10´22, Jefferson fez boa jogada individual e chutou para o gol, a bola bateu na trave e sobrou em cima da linha para Kilson que só empurrou para as redes virando para o Esquadrilha, 3 a 2. 

Aos 15´53, Marquinhos discutiu com o técnico Toninho do Coyote e ambos foram expulsos. Pior para o Esquadrilha que ficou com um a menos dentro de quadra. 

Nos cinco minutos finais o jogo ganhou uma emoção extrema. Precisando do gol de empate para ficar com o título, o Coyote colocou Fabrício na função de goleiro-linha. 

Aos 17´25, Bocão recebeu passe do próprio Fabrício, avançou na ala e chutou forte indefensável para Serra, 3 a 3 devolvendo o título temporariamente para o Coyote. 

O Esquadrilha pediu tempo e voltou com Fufi na função de goleiro-linha. Aos 19'26, Bob achou um belo passe para Kilson no fundo e ele sem marcação alguma completou para o gol, 4 a 3 Esquadrilha. 

Quando todos achavam que o título já era do Esquadrilha. O Coyote ganhou uma esperança em cobrança de falta da intermediária aos 19'45. Bocão cobrou, a bola desviou em Fufi na barreira, bateu no pé da trave e entrou no cantinho enganando o goleiro Serra, 4 a 4. 

O Esquadrilha ainda tentou um gol com Fufi na função de goleiro-linha, mas dessa vez não houve tempo suficiente, 4 a 4 e Coyote campeão por ter a melhor campanha. 

Para Simi Saiotti, o Coyote foi guerreiro pois mesmo com a vantagem do empate venceu o favoritismo do Esquadrilha: “Foi um jogo muito difícil. Não desmerecendo o nosso time, mas o deles era favorito. Final é um jogo só, não tem muito favoritismo e acho que fomos guerreiros, jogamos no esforço e graças a DEUS saímos com a vitória.”

Kilson, autor de dois gols do Esquadrilha lamentou o gol sofrido nos 20 segundos finais: “Infelizmente meus dois gols não contribuíram para o título. Segunda-feira tive o prazer do meu filho nascer e na terça a tristeza dele falecer. Hoje no Dia dos Pais seria muito importante pra mim ganhar esse título pra ele. Infelizmente Futsal é assim, uma desatenção da gente, perdemos o jogo em 20 segundos.”

Rafael Mariano do Bala Na Agulha/Sacode recebeu o troféu de Artilheiro com 8 gols marcados. Hugo e Luis Carlos do Coyote receberam o troféu de Defesa Menos Vazada. 

O Coyote do técnico Toninho foi campeão jogando com Luis Carlos, Hugo, Bocão, Simi Saiotti, Gabriel, Rafael, Dagol, Rafinha, Isaac, Fabrício e Adriano. 

O Esquadrilha do técnico Erik, auxiliado por Bob foi formado com Dothi, Serra, Bob, Juninho 90, Bananinha, Kilson, Markinhos Samora, Rafael, Fufi, Marquinhos, Ninho, Felipinho, Jefferson e Ulisses. 

A arbitragem ficou à cargo de Rodrigo Pires, auxiliado por Edson Honório, com Patricia da Silva de Anotadora e Airton de Vasconcelos de Cronometrista.


O Campeonato Municipal Diário de Guarulhos/Uniex é uma competição organizada pela Liga Guarulhense de Futsal e neste ano teve início em 19 de maio com a participação de 24 equipes divididas em 4 grupos.

Fotos extras (clique na foto para ampliar):












Associar
Banner

Postar um comentário:

0 comments:

Seu comentário é importante. Esse é o espaço para você compartilhar conosco sua opinião. Evite comentários ofensivos.